Gestão de multas: construa sua política

  • Gestão de multas: construa sua política

    Gestão de multas: construa sua política

    Todas as empresas que possuem frota própria passam pela dor de cabeça de ter que lidar com multas dos motoristas. Isso porque, caso você não tenha uma gestão de multas eficiente, poderá gerar custos pesados para a empresa no longo prazo.

    Ou seja, é indispensável que haja o monitoramento e controle dos gastos com multa. Principalmente para que você possa fazer a cobrança correta ao condutor infrator responsável.

    Nesse cenário, a gestão de multas se mostra uma ferramenta essencial. Tanto para evitar que sua empresa perca dinheiro, mas, principalmente, para transformar positivamente toda sua identidade, se colocando como referência no mercado.

    Para saber como isso é possível, precisamos entender um pouco melhor sobre a gestão de multas.

    Entenda o que é gestão de multas

    Uma gestão de multas eficiente será responsável pelo monitoramento, acompanhamento, reação e prevenção à geração de multas da sua frota própria.

    Isso significa que você não só precisa acompanhar de perto seus motoristas, mas precisa ter um bom relacionamento com todos eles. Afinal, monitoramento próximo e cobranças sem razão podem gerar conflitos entre você e sua equipe.

    Com uma planilha simples você já será capaz de fazer esse acompanhamento. Tenha anotada as informações dos veículos, motoristas, CNHs e rotas executadas. Sempre que você receber uma notificação de multa, faça a inclusão neste documento para mantê-lo sempre atualizado.

    Entenda como economizar dinheiro com sua frota:

    Além de te permitir agir preventivamente para implementar as mudanças necessárias no seu time, ainda irá reduzir custos com combustível e manutenção. E, claro, diminuir a incidência de multas sobre sua equipe, já que estarão seguindo o Código de Trânsito Brasileiro e suas atualizações.

    Mudanças no Código de Trânsito Brasileiro

    Por que devo fazer a gestão de multas?

    Sabemos que implementar, ou melhorar, um processo dentro da sua empresa pode ser desafiador. Principalmente porque as transportadoras e grandes empresas estão sempre muito mais expostas, por conta da quantidade de veículos e motoristas que possuem na estrada.

    Afinal, quanto maior o tamanho da sua frota, seja ela própria ou terceirizada, maior o risco que você corre

    Além da gestão de multas diminuir os riscos que seus condutores passam na rua, você também diminui a exposição da sua empresa. E não é só isso: você também reforça a identidade da sua marca, se fortalecendo como referência dentro do seu segmento.

    Ao implementar ou atualizar processos e obter resultados positivos, você não só economiza recursos do seu caixa, como aumenta o seu valor de mercado. Sem falar que você fortalece seu posicionamento como referência em processos, educação para o trânsito e qualidade nos serviços prestados.

    Para reforçar esses pontos, é importante apostar em ações educativas. Implementar iniciativas de valorização da direção preventiva e estimular a conduta positiva no trânsito por parte da sua equipe de condutores. Para isso, é necessário que você foque em transmissão de conhecimento, importância da atenção e previsão no trânsito, além da habilidade na direção e a capacidade de reagir com o que acontece no meio.

    Agora, vamos falar de um exemplo que faz parte do seu dia a dia? Como esses tópicos podem afetar a sua empresa.

    Por exemplo, multas NIC

    Um dos pontos importantes de se fazer essa observação concreta é poder identificar hábitos comportamentais nos seus motoristas. Como uma tendência a cometer um certo tipo de infração, ou algum hábito nocivo de direção.

    Uma das multas mais recorrentes no setor é a multa por Não Indicação do Condutor Infrator. Por lei, toda pessoa jurídica que possua um veículo em sua frota, caso receba alguma notificação de um agente de trânsito, deverá identificar o infrator responsável pela justiça. Esta medida foi implementada como uma forma de correção de comportamentos nocivos no trânsito por parte de alguns motoristas, que apenas com o pagamento da multa não seriam corrigidos. Dessa forma poderão ser penalizados em carteira.

    Contudo, mesmo que o prazo para Indicação do Condutor Infrator tenha sido aumentado para 60 dias, com a última atualização da CTB, ainda é obrigação da empresa fazer esta indicação. Afinal, se não o fizer, também será penalizada.

    Sem uma gestão de multas eficiente, com o acompanhamento próximo de sua equipe, sua empresa poderá facilmente perder de vista essa gestão de custos.

    Como evitar multas

    Além de implementar sua gestão de multas e agir preventivamente caso observe algum padrão comportamental, existem outros pontos de atenção nesse processo.

    • Acompanhe sua frota como um todo, inclusive as manutenções necessárias do veículo
    • Mantenha os documentos organizados e se planeje para implementar o novo DT-e
    • Implemente recompensas para bons condutores, seguindo o exemplo do novo Registro Nacional Positivo de Condutores (RNPC)
    • Execute ações de conscientização e treinamento para redução de multas, custos, aumentar a segurança de todos, especialmente com a prevenção de acidentes na estrada

    Logo, sua empresa só terá benefícios no curto, médio e longo prazo.

    Se você quer uma empresa parceira para te ajudar a implementar as melhores soluções, conte com a TARGET Empresa. Além de oferecer para você o gerenciamento de despesas com frete, através da TARGET Conta Frota, você centraliza todas as suas operações financeiras. Transferências, extrato completo, pagamento de frete, CIOT e muito mais, tudo através de um único lugar: seu celular. Solução completa para PJ e caminhoneiros.

    Quer saber mais? Clique aqui para conversar com um especialista agora mesmo.

     

    TARGET Empresa Gestao de Frota Gestão de multas: construa sua política

    Comments are closed.